Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2015

TRAZER O MAR PARA SÃO PAULO?? considerações de Henrique Raffard em seu livro "Alguns dias na Paulicéia"

Henrique Raffard (1851 - .....) era filho do Cônsul-geral da Suíça no Rio de Janeiro  e recebeu educação literária em Genebra e Paris.  Sua vocação maior era para homem de negócios e foi um notável empreendedor.
No Brasil, Raffard estava associado a empresas comerciais inglesas entre elas a São Paulo Central Sugar Factory of Brasil Limited para a produção de açúcar e álcool em Capivari, interior de São Paulo. Ele foi encarregado pela firma que representava, de escolher uma cidade onde a empresa pretendia abrir uma filial. Resultou na instalação em São Paulo de uma casa comercial e em Capivari, da Vila Raffard. (2,5km de Capivari), onde fundou o Engenho Central de São João de Capivari, em 1883.
De suas andanças pela cidade de São Paulo em 1890, ficou um pequeno livro “Alguns dias na Pauliceia.” Bom observador, embora sofrível escritor, tem observações de compreensão clara. Economicamente objetivo, ilustrador claro do caráter primário da chamada ciência econômica, torna este pequeno livr…

DE SÃO PAULO – uma imagem, uma história

Imagem
A imagem acima - tirada a partir da praça do Patriarca - mostra um dos espaços meus preferidos. Dá para ver o Theatro Municipal, o antigo Hotel Esplanada que foi construído para formar com a lateral do Theatro uma esplanada mesmo; mostra um Vale do Anhangabaú com seu piso decorado que ninguém vê, ninguém repara; mostra as palmeiras fazendo parte de uma urbanização que já é atual. E mostra o Viaduto do Chá atual, com suas faixas de trânsito adequadas, suas calçadas diferentes respeitando o fluxo diferente de pedestres.Mostra o Edifício Makenzie, - que para ser construído precisou da demolição do antigo Teatro São José - foi sede da Light, sede da Eletropaulo, e agora é o Shopping Light, usando o antigo nome e mantendo parte do edifício original. Mas nos faz voltar a um tempo da década de 30 quando ainda funcionava o antigo Viaduto do Chá de Jules Martin. Era um viaduto que em linha reta ligava a rua Direita à rua Barão de Itapetininga e que na imagem ocuparia o lado esquerdo desse atual…