segunda-feira, 11 de julho de 2016

RETORNANDO, EXPLICANDO E DIVULGANDO


Desaparecida desde 29 de março, não desisti dessa colcha de retalhos que é o meu blog. Estive ”hibernando”.

Durante 2015 e os primeiros meses de 2016, minha saúde me causou muito desconforto e fiquei sem pique para escrever. Uma Artrose Pélvica progressiva ocupou minha vida pessoal, cultural e profissional. Só conseguia mesmo  ler.

Só em abril, por uma cirurgia de implante de prótese coxo-femural é que voltei ao normal. Cirurgia de sucesso, me devolveu a qualidade de vida que eu pretendia, e estou voltando à ativa profissional, com o trabalho de Resgate de Memória Autobiográfica, com meus concertos, com   participação em eventos culturais e festivos.

E em um primeiro momento faço o que gosto de fazer: DIVULGAÇÃO de cursos que frequento há anos, e que vale a pena continuar.
Vai aqui copiado:
13o CURSO DE HISTÓRIA DE SÃO PAULO

Inovação, pioneirismo, criatividade

Em parceria com a Academia Paulista de História, o CIEE tem o prazer de apresentar a 13a edição do Curso de História de São Paulo que a cada ano, desde 2003, oferece a estudantes, professores, pesquisadores, profissionais de turismo e demais interessados. Sob a coordenação da Profa. Ana Maria de Almeida Camargo, da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, o curso compreenderá 10 aulas, de 25 de agosto a 10 de novembro de 2016, ministradas no Espaço Sociocultural - Teatro CIEE, à rua Tabapuã, 445 - Itaim Bibi, São Paulo (SP). As aulas versarão sobre o tema da inovação e do pioneirismo que, em diferentes momentos de um passado que remonta ao período colonial e chega ao século XX, despontaram como soluções para o enfrentamento de problemas e desafios de natureza diversa: saúde, administração, obras públicas, arquitetura, tecnologia e cultura, entre outros.  


PROGRAMA

25/8
O pavor das "bexigas" e a introdução da vacina em São Paulo
Luís Soares de Camargo
(Prefeitura Municipal de Itatiba)
1/9
A expansão econômica da Província de São Paulo e as lideranças nacionais paulistas
Miriam Dolhnikoff
(Universidade de São Paulo)
15/9
O Gabinete Topográfico da cidade de São Paulo
e as obras públicas da Província (1835-1847)
José Rogério Beier
(Universidade de São Paulo)
22/9
Da imagem pictórica à imagem técnica: Hercule Florence e a invenção da fotografia
Boris Kossoy
(Universidade de São Paulo)
29/9
Arquitetura do ferro em São Paulo

Beatriz Mugayar Kühl
(Universidade de São Paulo)
6/10
Inovação institucional e pioneirismo científico: a Comissão Geográfica e Geológica de São Paulo (1886-1931)

Silvia Fernanda de Mendonça Figueirôa
(Universidade Estadual de Campinas)
20/10
A higienização dos costumes na São Paulo da Primeira República
Heloísa Helena Pimenta Rocha
(Universidade Estadual de Campinas)
27/10
Modernização ou americanização de São Paulo?
Antonio Pedro Tota
(Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)
3/11
São Paulo, 1932: a tecnologia e revolução



Ricardo Frota de Albuquerque Maranhão
(Academia Brasileira de Gastronomia)
10/11
Ambivalências do moderno: o modernismo de São Paulo em meados do século XX

Maria Arminda do Nascimento Arruda
(Universidade de São Paulo)


Horário: das 9:30 às 12:00 horas

Como participar: as inscrições são gratuitas e devem ser feitas, obrigatoriamente, antes de cada aula, pelo site do CIEE - www.ciee.org.br/portal/eventos

Certificados: uma semana depois de cada aula, os participantes poderão imprimir, pelo site do do CIEE, o certificado de presença com a correspondente carga horária da aula assistida.
           
Material didático: no início de cada aula, os participantes receberão um roteiro dos assuntos que serão abordados, com bibliografia básica a respeito do tema. Os textos completos do curso serão objeto de publicação especial no próximo ano.

Haverá estacionamento gratuito no local.

Espero encontrar os amigos por lá




2 comentários:

Célia Rangel disse...

Realmente... senti sua ausência...
Desejo-lhe saúde e bem-estar, Neuza!
Abraço.

Mª do Socorro Diogo disse...

Vovó Neuza,

ouvi sua entrevista na CBN, gostei e aprendi muiti. Você é um exemplo de longevidade.

Maria do Socorro