terça-feira, 25 de julho de 2017

MINHA MINI GALERIA DE ARTE VISUAL


Até maio de 2007, minha ligação com o mundo das artes era mais forte com a Música. Há mais de 30 anos ouço música erudita e a conheço razoavelmente bem.

Mas, a partir de 7 de maio quando comecei um estágio temporário (quatro meses apenas) na Fundação Nemirovsky de Arte Moderna, comecei a entrar no mundo das artes plásticas, agora chamadas Artes Visuais. E frequentei por esse tempo a Estação Pinacoteca.

Sempre que começo alguma coisa nova quero ir fundo e contando com a tecnologia moderna via Google fiz dias e dias de pesquisas sobre os artistas que tinham obras na exposição Nemirovsky.  Aprendi muito sobre Arte Moderna. O que eu sabia era só o básico de arte Pré-Histórica, Românica, Medieval, Renascentista, Barroca... O suficiente para me situar em conhecimentos.  Tenho até muito material, pôsteres, livros, revistas... e quando fiz trabalhos sobre a Itália, Espanha e Portugal, muita coisa foi levantada e estudada.

Mas, de Arte Moderna não sabia nada e até dizia que “não gostava”. Claro, não conhecia.
Muitas vezes, quando acabava meu tempo de trabalho na Fundação, circulava entre os quadros para reter mais o que eles apresentavam.

E, por conta disso, entrei em dois cursos que a Universidade Aberta à Terceira Idade oferecia no MAC – Museu de Arte Contemporânea.  Foi muito difícil. Matéria optativa para graduação, tinha alunos de várias disciplinas muito mais conhecedores de moderna filosofia do que eu. Tive que ler textos e textos de Walter Benjamin, Merleau Ponty........ Mas tive a sorte de ter como professoras duas excelentes curadoras do MAC, Carmen Aranha e Cristina Freire, Heloise Costa, Katia Canton…E aprendi muito, muito, muito.

Curso de História da Arte no MASP com Renato Brolezzi, durante anos, ampliou meus conhecimentos de Arte Visual, mas continuo amadora e nunca uma expert no assunto.
E por conta do meu último curso no MASP sobre Toulouse-Lautrec, voltei a me interessar por Arte Visual, um dos meus caminhos de interesses.

E desengavetei minha coleção Pinacoteca Caras, 20 volumes de vários artistas significativos na História da Arte cada volume com quatro pôsteres de alguma obra.
Pôsteres com  29cm x 43cm não poderiam nem deveriam ficar na gaveta e já há algum tempo enquadrava um dos pôsteres e reservava para ele um lugar especial em minha sala. O que havia de explicação no verso do pôster eu digitava e colocava em continuidade a ele.
A cada mês trocava (e continuo trocando) o pôster e assim me asseguro uma overdose de informação visual e descritiva.
Neste mês, como não podia deixar de ser, o pôster em evidencia é de Toulouse Lautrec



O espaço tem 50cm por 150cm. É mesmo uma MINI GALERIA

Para os encontros com idosas fiz uma apostila de apoio “Uma Brevíssima História da Arte” com 130 páginas, muita ilustração e que me permitiu muitos conhecimentos novos. Além disso, uma linha do tempo das Artes Visuais, inclusive Brasileiras, feita em uma primeira “edição” ”à mão” com 3m de comprimento e mais tarde no computador. Impressa é um dos meus orgulhos profissionais. Completei com “Uma Brevíssima História da Arte Brasileira”
Sobre a mesinha ficam as apostilas que montei sobre Arte Universal e sobre Arte Brasileira e na última semana organizei em pastas devidamente identificadas os muitos recortes de jornal sobre Arte. Uma verdadeira imersão em Arte





Às vezes me aventuro a escrever algo sobre algum aspecto particular de Arte Visual como





E ocupa um lugar de honra nesse pequeno mundo de Arte, um guia do Museu do Prado de Madri, oferta de Pedro, ex aluno e de coração “meu filho espanhol”, e mais do que tudo o que me emociona a cada leitura é a dedicatória aqui reproduzida.

   
 

  Na sequência, desengavetei os volumes da Pinacoteca Caras e com ajuda das invenções de meu filho Flavio fotografamos capa e contra capa  de cada volume para registro e perenidade da coleção cuja resolução das imagens é ideal. Publicação de 1998 e impressa na Espanha. Aos poucos vou tratando as fotos no Photoshop (apenas cortes, padronização de tamanhos, e revisão no brilho e contraste)
Alguns exemplos
  






Um comentário:

Fatima Matos disse...

Muito lindo, parabéns 😍