domingo, 23 de dezembro de 2012

VIAGEM - VIGÉSIMO QUARTO DIA – DOMINGO- 22 DE ABRIL DE 2012



Quando acordei de madrugada como sempre faço, tinha gente dormindo e, portanto tinha chegado durante a noite. Não sei a que horas, nem quis saber.

Ao café, impus ditatorialmente silencio sobre os acontecimentos da véspera. Quaisquer que fossem as explicações de ambos os lado, haveria choques desagradáveis.  Cada um com seus argumentos, como dá para supor, completamente diferentes.  E passamos a conversar ”normalmente”arrumando malas, ajeitando coisas.

Jurema fez uma bela macarronada de despedida, com o macarrão que teríamos usado para o almoço com o Jarlei. Muito bem empregado.
Sempre o que falar sempre o que colocar dentro da mala. Deixei coisas minhas para a Jurema e ela deu coisas dela para mim.

Às 17 horas saímos para Veneza, para o aeroporto Marco Polo. O horário do voo para Barcelona (de novo Barcelona) era às 22,25h, mas teríamos que estar lá por volta das 20h. Com 1h45min de voo chegaríamos a Barcelona meia noite e 15.  Voo Vueling

Tempos de despedida. Sem choros da minha parte.  Não choro por nada há 12 anos. O que sinto fica por dentro mesmo. Não escorre em lágrimas. Mas sei que Oscar chorou. É muito emotivo, nos queremos muito bem e enquanto eu volto para a minha vida movimentada e com muita gente eles ficam sozinhos. Não deve ser fácil.




E fomos entrando para a área de embarque nos dizendo adeus até que não pudemos mais nos ver. 









Nenhum comentário: