quinta-feira, 27 de março de 2008

MAIS NOTICIAS MUSICAIS

São Paulo me surpreende a cada momento. Sempre encontro coisas novas dentro daquilo que eu gosto. E quando encontro, partilho com amigos.

Tomei conhecimento na revista Concerto de um evento chamado “Caixa de Musica.” um encontro musical na Caixa Cultural de São Paulo, na Praça da Sé. Como passo sempre por lá vi também um banner dando noticia do evento. Quando vi que o curador era o Dante Pignatari - com quem fiz um curso “O Mundo da Musica no ano passado - fui conferir. Se era ele o curador, só podia ser bom porque de sua capacidade eu já tinha amostra.

19h, tempo certo de sair da USP onde já tinha passado por dois cursos: “História e Musica” e “Musica e Memória”, cheguei direto.

Enquanto espero me reporto á História de São Paulo, como sempre. E dentro desse prédio os séculos XVII e XVIII voltam na “fotografia” de um Largo da Sé – que depois virou Praça da Sé – com a Igreja de São Pedro dos Clérigos que depois virou Caixa Econômica e com a velha matriz que foi demolida para ampliação do largo-praça. E nesses lugares históricos, sons do passado com Bach-Beethoven, de um passado recente com Guarnieri e de um presente com Silvio Ferraz. E os sons foram nos ofertado pelo Trio Camaleon – violino, viola, cello – em uma apresentação que aliou técnica e vibração pessoal de cada um.
Foi um final de noite perfeito.

O programa vai se repetir a cada quarta feira às 19h e na próxima teremos programa de século XX com o quinteto de clarinetas Sujeito a Guincho. Vamos? Eu com certeza estarei lá.

Isto é a São Paulo que eu amo.

Nenhum comentário: